Arquivo mensal junho 2018

pordefesacivil

Defesa Civil passa a gerir toda a rede pluviométrica de Niterói

No novo sistema, haverá ampliação da rede, com mais 20 equipamentos distribuídos pelo município

Niterói vai se tornar, a partir de julho, a primeira cidade da Região Metropolitana do Estado do Rio de Janeiro, além da capital, a possuir rede pluviométrica autônoma, operada 100% pela Defesa Civil Municipal. No novo formato, o órgão vai gerir todos os dados de pluviômetros do município, sem depender do Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais.

No verão passado, a Defesa Civil operava 10 pluviômetros. No novo sistema, haverá ampliação da rede, com mais 20 equipamentos distribuídos pelo município, visando uma maior cobertura em áreas de vulnerabilidade. A reformulação engloba também equipe técnica especializada para operar o sistema 24h por dia. De acordo com o tenente coronel Walace Medeiros, secretário de Defesa Civil, o município vai se destacar pela eficácia de alertas emitidos.

“Com a nova configuração, a Defesa Civil de Niterói passará a contar com um sistema mais completo e de alta qualidade para obtenção de dados meteorológicos a serviço da antecipação de possíveis ameaças e consequente preservação de vidas. Chegaremos a 30 pluviômetros geridos pelo município, além das 33 sirenes em localidades como Alarico de Souza e Morro do Estado”, afirma.

Fonte: O Fluminense

pordefesacivil

Prefeitura vence prêmio geral em disputa na capacitação do Sebrae

A equipe da Prefeitura de Niterói foi a principal vencedora da etapa de premiações do Lidera Rio – Formação de Líderes Públicos, programa de capacitação do Sebrae-RJ. Nesta terça-feira (19), representantes da administração municipal venceram três das quatro categorias em disputa, além do prêmio geral. A cerimônia marcou o fim de 26 semanas de oficinas e elaboração de projetos.

O grande vencedor foi o projeto “Implantação de Parque Solar em Áreas de Encostas”, do secretário de Defesa Civil de Niterói, tenente-coronel Walace Medeiros, e da coordenadora do Escritório de Gestão de Projetos, Valéria Braga. Eles conquistaram a categoria “Sustentabilidade e Resiliência” e o prêmio geral. Ao todo, foram apresentados 28 projetos de gestores de oito municípios do Estado do Rio de Janeiro.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, defendeu que governar exige capacidade de inovação, disposição, competência e habilidades que impulsionem o desenvolvimento das cidades. Ele ainda comemorou o destaque dos projetos apresentados pelos representantes da Prefeitura de Niterói.

“Governar as cidades do Brasil hoje é um desafio, ainda mais no Estado do Rio, que passa por uma crise sem precedentes. Esse trabalho de base do Sebrae para a formação de novos gestores contribui, e muito, ao construir condições para que o Estado do Rio consiga reverter este cenário. Estou muito feliz pelo reconhecimento aos gestores de Niterói que participaram deste programa e demonstraram a competência dos gestores, que é a marca de toda a equipe que compõe o governo”, disse o prefeito.

Projetos – O projeto “Implantação de Parque Solar em Áreas de Encostas”, do secretário de Defesa Civil de Niterói, tenente-coronel Walace Medeiros, e a coordenadora do Escritório de Gestão de Projetos, Valéria Braga, foi escolhido como o melhor entre os 28 apresentados pelos gestores. A dupla levou, ainda, o prêmio de melhor projeto na categoria “Sustentabilidade e Resiliência”.

A subsecretária de Cultura, Danielle Nigromonte, e a subsecretária de Planejamento de Niterói, Marília Ortiz, venceram na categoria “Derivações da Matriz Econômica”, com o projeto “Criação do Maior Polo Cultural do País”. A ex-coordenadora do Núcleo de Gestão Estratégica, Gláucia Macedo, e o subsecretário de Urbanismo, Rogério Gama, levaram o prêmio de “Urbanismo para o Desenvolvimento”, com o projeto “Intervenção Urbanística na Rua Visconde do Rio Branco”.

A presidente do conselho deliberativo do Sebrae-RJ, Carla Pinheiro, disse que o Sebrae acredita que, ao se aproximar dos gestores municipais, encontrou os parceiros ideais para que o ambiente de negócio esteja cada vez melhor nas cidades fluminenses. O diretor-superintendente do Sebrae-RJ, Cezar Vasquez, apontou o Lidera Rio como oportunidade para valorizar os gestores.

“As dificuldades e problemas que têm sido enfrentados pelo país e municípios fluminenses fazem com que, às vezes, a gente não se dê conta da capacidade, da motivação dos gestores municipais. Este programa tem justamente o objetivo de estimular a capacidade deles”, detalhou.

Fonte: O Fluminense 

pordefesacivil

Defesa Civil marca presença em Simpósio de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais

Nos dias 05, 06, 07 e 08 de junho de 2017, foi realizado o II Simpósio de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais da Região Serrana, no auditório do LNCC (Laboratório Nacional de Computação Científica) em Petrópolis – RJ.

O SPCIF é um evento anual do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, realizado através do 15º Grupamento de Bombeiros Militar – Petrópolis, em parceria com instituições de ensino e pesquisa, organizações governamentais e não-governamentais, com o suporte de empresas privadas envolvidas no desenvolvimento de tecnologias para a resposta a incêndios florestais.


O objetivo do evento é reduzir o risco do desastre do tipo incêndio florestal, além de discutir as ações que cada agência pode desenvolver na prevenção, mitigação, preparação e resposta para a redução das queimadas indiscriminadas e de suas consequências, proporcionando uma maior integração entre todos os envolvidos.

A equipe multidisciplinar da Defesa Civil de Niterói e alguns voluntários participaram do evento, que teve os seguintes temas nos painéis: “Prevenção e Preparação”; “Aspectos Legais e Institucionais” e “Resposta e Recuperação perante ao Incêndio Florestal”.

 

 

pordefesacivil

Visita a Legião da Boa Vontade em Niterói

A Defesa Civil de Niterói visitou nesta terça – feira 12.06 a LBV – Legião da Boa Vontade em Niterói, a convite da instituição.

O intuito da visita foi conhecer os programas sociais voltados para crianças, adolescentes e idosos e através das palestras que a Defesa Civil realiza, levar conteúdo de prevenção e capacitação para esses grupos, com objetivo de perpetuar a cultura de prevenção às ameaças e evitar desastres.

Em um futuro próximo a ideia é estabelecer uma parceria com a instituição, para aumentar a rede de trabalho e contato dentro das comunidades, levando mais informação preventiva à população.

Participaram da reunião o BM Tenente Coronel Walace Medeiros, secretário de Defesa Civil do Município, Elmer Baldez, diretor de minimização da secretaria, Eliel Brum, representante da LBC no estado do Rio, Danilo Lima, gestor administrativo da unidade Niterói e Nilson Balestra, gestor administrativo da LBV  no estado do Rio de Janeiro.

 

 

 

 

 

 

 

pordefesacivil

Defesa Civil realiza mapeamento de risco no município

A Secretaria Municipal de Defesa Civil, através da Diretoria Operacional, iniciou no dia 11.06, segunda – feira, as atividades de mapeamento de risco a movimentos gravitacionais de massa (deslizamentos) no município de Niterói.

A região escolhida para iniciar o trabalho foi a rua São José, no Fonseca, localidade muito atingida nas chuvas de 2010 e que vem recebendo intervenções de urbanização. Além da São José outros sete locais serão mapeados pela equipe de geólogos e geógrafos da Defesa Civil: Vila Ipiranga, Alarico de Souza, Beltrão, Preventório, Maceió, Viradouro e Cel. Leôncio.

“O intuito principal do mapeamento é o de atualizar o cenário de risco dessas localidades, orientar os munícipes inseridos nessas áreas, subsidiar com informações os demais setores da PMN e estabelecer a gestão adequada no que se refere à redução de risco e desastres, política habitacional, realização de obras de estabilização e drenagem, instalação de equipamentos públicos, reflorestamento etc” afirmou Eric de Oliveira, diretor operacional da Defesa Civil.

O trabalho de mapeamento já vem sendo realizado na secretaria e em 2017 foram mapeadas 10 áreas do município.